Calle de la Arrábida – Miguel Manso

2

están demoliendo piedra
a piedra el edifício de al lado

quien pasa ahora por la calle
parece lamer con la mirada
la falta de un diente

Miguel-Manso, Tojo: poemas escolhidos (Relógio d’água, 2013)
Traducción: Montserrat Villar González
Foto: Vítor Dias (Dias de fotografia)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s